07 de Abril de 2020

Notícias

Linha de distribuição de energia Piripiri-Esperantina é inaugurada

Com 73 km de extensão, a rede teve investimento R$ 23 milhões.

Na presença do governador do Piauí, Wellington Dias, a prefeita de Esperantina, Vilma Amorim, participou da inauguração da Linha de distribuição de energia Piripiri-Esperantina, com 73 km de extensão. O investimento foi de R$ 23 milhões, pela Equatorial Piauí. Além de Esperantina, mais 12 municípios da região serão beneficiados, alcançando diretamente 192 mil piauienses.

 

A obra levará mais energia elétrica para potencializar as atividades produtivas essenciais para a economia da região, como a piscicultura. A LD Piripiri-Esperantina começará funcionando em tensão de 69 kV (quilovolt) e será ampliada para 138 kV ainda em 2020.

 

“Existia uma linha de 42 anos que apresentava muitos problemas na qualidade da energia e por isso a nova linha foi prioritária, a primeira grande obra feita pela Equatorial. Ela já está isolada para receber os 138 kv, que vai melhorar ainda mais a qualidade e permitir a chegada de novas indústrias, empregos e empreendimentos. É uma obra muito importante para a população de toda a região e para o desenvolvimento do Piauí”, destaca o presidente da Equatorial Piauí, Nonato Castro.

 

Em Esperantina, o governador também visitou a construção do estádio de futebol na zona urbana da cidade. Muito aguardada pela população, a obra recebeu recursos de R$1,5 milhão, oriundos do Governo Federal, Fundação de Esportes do Piauí (Fundespi) e Caixa Econômica Federal. A previsão é de que o estádio seja concluído e entregue até o final de março de 2020.

 

Segundo a prefeita de Esperantina, Vilma Amorim, a ampliação da rede trará muitos benefícios tanto para o consumidor, quanto para novos investimentos, e o estádio fará a alegria de muitos desportistas. “Aqui é a terra de peixe, muitas pessoas tem seus tanques e precisam da energia elétrica para o funcionamento. A nova rede ajudará a melhorar a vida de quem trabalha com a piscicultura, como também fábricas de ração e outras que se instalam aqui. Não menos importante será a entrega do estádio, que é um sonho de todos os que praticam futebol de salão e o futsal. Temos a Copa Norte, que agrega equipes de estados do Nordeste, e o novo estádio contribuirá para uma maior visibilidade do torneio e dos nossos jovens atletas”, diz a gestora.

 

De acordo com Wellington Dias, estes são dois grandes anseios da população sendo concretizados. “O grande problema dessa região era a energia, que inclusive, dificultava os investimentos nas atividades produtivas. Agora, essa região conta com mais segurança energética e, em breve, terá também mais conectividade e a implantação da Universidade Aberta do Piauí. Também fico muito feliz em ver que as obras do estádio estão sendo concluídas e dentro do prazo. Quero ter o prazer de voltar aqui junto com o meu time de futebol para inaugurar essa quadra tão solicitada pelos moradores”, pontua Dias.

 

Além de Esperantina, a nova linha de energia elétrica contemplará municípios como Esperantina, Morro do Chapéu do Piauí, São João do Arraial, Campo Largo, Porto, Nossa Senhora dos Remédios, Matias Olímpio, Luzilândia, Joaquim Pires, Murici dos Portelas, Madeiro, Joca Marques e Batalha.

 

Com informações da CCOM – Governo do Piauí