27 de Maio de 2020

Notícias

Prefeitura disponibiliza técnicos para auxiliar no cadastro do Auxílio Emergencial

O serviço é gratuito e teve início nesta quarta-feira (15) no CRAS e em sete (7) escolas da zona rural.

Com o intuito de auxiliar a população no cadastro do Auxílio Emergencial do Governo Federal, a Prefeitura de Esperantina disponibilizou técnicos da Secretaria de Assistência Social para esclarecer dúvidas e facilitar o acesso ao benefício à todas as pessoas que têm direito. O serviço é gratuito e teve início nesta quarta-feira (15) no CRAS, para os residentes da zona urbana, e em sete (7) escolas de localidades da zona rural. O atendimento ocorre das 8h às 12h e de 14h às 17h, para evitar aglomerações.

 

Segundo a prefeita de Esperantina, Vilma Amorim, foram escolhidos locais estratégicos de atendimento, inclusive na zona rural, para evitar grandes deslocamentos. A gestora reforça que o atendimento é de graça de forma que nenhum esperantinense, que se enquadre no perfil do programa, fique excluído.

 

“Temos uma equipe com dez pessoas no Centro Social, mais precisamente no CRAS, além de técnicos na zona rural para transmitir a informação correta sobre o benefício. Nossa ideia é ajudar as pessoas no manuseio do aplicativo ou pela plataforma no site da Caixa. A nossa preocupação é que algumas pessoas fiquem de fora do programa por não ter o acesso à internet ou mesmo não saber se estão dentro dos requisitos. Sabemos que o momento é difícil e queremos que todos os que precisam tenham, de fato, o auxílio em mãos”, comenta a gestora.

 

Vilma comenta ainda que as pessoas não devem ir ao mesmo tempo para os locais de atendimento. Nesse sentido, o horário foi extenso nos períodos da manhã e da tarde justamente para evitar aglomerações, o que não pode acontecer de forma nenhuma. “Também quero informar que as pessoas também podem fazer a regularização do CPF no local. A ação foi pensada em parceria com a Secretaria Municipal de Educação que reabrirá as escolas da zona rural para fazer esse atendimento. Peço a solidariedade de todos para que a informação chegue a todos que precisam”, finaliza.

 

A Caixa Econômica Federal disponibilizou o site e o aplicativo para que informais, autônomos, desempregados e MEIs possam solicitar o auxílio emergencial por três meses. É preciso ter mais de 18 anos, CPF ativo, renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa (R$ 522,50) ou até 3 salários mínimos (R$ 3.135) por família, entre outros requisitos. As mães e chefes de família, que estiverem dentro dos demais critérios, poderão receber R$ 1,2 mil (duas cotas) por mês.

 

Para preencher o cadastro, o interessado deve levar os documentos de identificação de todos os moradores da casa (RG, CPF, comprovante de renda e residência), além de informar alguns dados diretamente no site. O munícipe deve estar munido das informações necessárias para o cadastramento, bem como com um telefone celular para recebimento do torpedo para autenticação do cadastro.

 

PONTOS DE ATENDIMENTO:

 

- Zona Urbana:

. Centro de Referência em Assistência Social (CRAS)

 

- Zona Rural:

. Escola da localidade Jacaré da Vermelha

. Escola da localidade Vassouras

. Escola da localidade Amargosa

. Escola da localidade Lagoa dos Macacos

. Escola da localidade do Sítio do Alegre

. Escola da localidade Bonfim

. Escola da localidade Angelim