13 de Abril de 2024 ACESSIBILIDADE: A+ A-

Notícias

Secretária Municipal de Desenvolvimento Agrário participa de visita técnica em Oeiras.

Nesta quinta-feira, 15 de fevereiro, a Secretária Municipal de Desenvolvimento Agrário, Empreendedorismo e Trabalho de Esperantina, Regina Vale, liderou uma comitiva composta por representantes da Sala do Empreendedor local, da Associação de Catadores de Material Reciclável e do SEBRAE/PI em uma visita técnica à cidade de Oeiras, no sul do Piauí. O objetivo da visita foi conhecer de perto a experiência bem-sucedida de beneficiamento de materiais recicláveis implementada naquela localidade.

Recebidos calorosamente pelo Secretário de Meio Ambiente de Oeiras, Adriano Ferreira, e pelos coordenadores de coleta seletiva, Luís Meneses e José Alberto, a equipe de Esperantina teve a oportunidade de conhecer de perto o trabalho da Cooperativa Renascer, liderada pelo presidente Alexandro. A Cooperativa Renascer atua no Centro de Reciclagem de Oeiras, desempenhando um papel fundamental na coleta de resíduos sólidos no município.

Durante a visita, foram compartilhadas experiências e práticas bem-sucedidas no processo de coleta, triagem e beneficiamento de materiais recicláveis. A Cooperativa Renascer não apenas contribui para a preservação do meio ambiente, mas também promove a geração de renda e a inclusão social dos trabalhadores envolvidos no processo de reciclagem.

Para a Secretária Regina Vale, a visita foi enriquecedora e inspiradora. "Esse trabalho desenvolvido em Oeiras é um exemplo para os demais municípios piauienses. Viemos conhecer de perto, para que tão logo, possamos também preparar esse trabalho de cooperativa dessa classe tão importante, também em Esperantina. Estamos em união com o SESCOOP-PI e com o SEBRAE, nos dando esse suporte, para que consigamos alavancar nessa área, trazendo mais inclusão, sustentabilidade e benefícios para a nossa gente", afirmou a Secretária.

A visita técnica reforça o compromisso da Prefeitura de Esperantina em promover o desenvolvimento sustentável, a geração de emprego e renda, além de fortalecer a economia local através da valorização dos resíduos sólidos e do trabalho dos catadores de materiais recicláveis.